Você está aqui: Página Inicial > Picui > Notícias > 2020 > 07 > Região da Borborema recebe cestas básicas do IFPB Solidário

Noticia

Região da Borborema recebe cestas básicas do IFPB Solidário

Idosos, pescadores, artistas de circo, estudantes carentes estão entre os beneficiados
por Ana Carolina Abiahy publicado: 16/07/2020 22h15 última modificação: 20/07/2020 15h45

A campanha IFPB Solidário, nesse mês de julho, chegou a muitas famílias necessitadas. Na região da Borborema, entidades assistenciais, organizações de trabalhadores e estudantes da instituição pertencentes a famílias carentes foram beneficiados com a entrega de cestas básicas e itens de higiene e limpeza. O resultado da doação em dinheiro realizada em duas contas bancárias disponibilizadas pela Funetec-PB pode amenizar um pouco o cotidiano dessas pessoas nesse período da pandemia de covid-19.

entrega CG.jpgEm Campina Grande, a entrega foi realizada pelo diretor-geral Albino Nunes para a Rede de Apoio ao Circo da Paraíba (RAC-PB), representada pelo artista Agniná Canicrã, conhecido como Picuí. “O IFPB cumpre mais essa missão nesse momento tão delicado, em que estamos isolados, muitos passam dificuldades e nos sentimos felizes em ajudar”, pontou o diretor Albino que entregou 55 cestas. O servidor Júlio César foi um dos que fez a articulação com a entidade.

O presidente da RAC-PB conta que são 30 circos cadastrados no Estado e quase 130 famílias de artistas circenses e outros independentes afetados diretamente pela pandemia porque seu ofício não pode ser exercido, já que o circo implica em aglomeração de pessoas e potencial risco à saúde. Picuí frisa que somente algumas ações pontuais de empresas estão ajudando os artistas que vivem da bilheteria e já passam dificuldades no cotidiano.

“Dessas 55 cestas, 30 nós levamos para famílias da região do compartimento da Borborema, como Lagoa Seca, Matinhas, São Januário. Vamos levar também pra Ingá, Pedra Lavrada, comunidade Canoa de Dentro, e selecionar outras 25 para o sertão. São quatro meses parados e sem nenhuma garantia por parte de governo nenhum. Agradecemos aos servidores do IFPB, a sociedade civil organizada que se mobilizou nessa ação”, declarou o artista.

Em Soledade, a entrega foi realizada no sábado para a Associação dos Pescadores da cidade. A doação foi feita pela servidora do Campus do IFPB ,Maria Alexsandra, para o vice-presidente da entidade, Jailton Gomes. “Graças a Deus, no campus do IFPB todos são muito prestativos na comunidade e foi muito boa a ajuda. Foram 65 cestas, em duas entregas, 30 no mês passado e mais 35 agora. As famílias ficaram muito felizes, mandaram mensagem agradecendo. Muito poucos receberam o auxílio emergencial e só o IFPB fez uma ajuda solidária. Agradecemos a Deus por ter tocado o coração de vocês”.

Em Guarabira, o Campus decidiu doar as 20 cestas básicas e de material de limpeza para estudantes da própria instituição. A diretora Kyara Nóbrega conta que a entrega foi feita pessoalmente a cada estudante em sua própria residência, para evitar que eles quebrassem o isolamento social. Foram dois dias que a equipe dedicou para isso. 

Em Monteiro, a instituição beneficiada com o recebimento de 25 cestas de alimentos não-perecíveis e itens de higiene foi o Centro de Convivência do Idoso Iracema Azevedo de Menezes. O diretor geral do Campus, Abraão Romão Batista, participou diretamente da entrega das doações.Entrega Monteiro.jpg

A presidente do Centro do Idoso, Maria Tânia Silva, fez um agradecimento emocionado a toda a comunidade do IFPB que colaborou com a entidade. São 25 idosos e ela conta que apesar de a maioria ingressar com uma ajuda da aposentadoria ou pensão, muitos têm empréstimos e os gastos do cotidiano não são supridos com esses valores mensais. Por isso, segundo Tânia, é fundamental a ajuda de doações como a do Instituto Federal.

“São pessoas com 80, 90 anos, temos gastos com remédios que são caros, muitas fraldas. A maioria tem comorbidades ou restrição alimentar. Muitos dos voluntários não puderam ajudar nesse período ou porque não estão saindo de casa ou são comerciantes e tiveram queda na renda. Uma ajuda como essa do IF foi maravilhosa. Agradecemos profundamente”, declarou Tânia. 

Em Picuí, foram 22 cestas básicas entregues, na segunda-feira, para famílias de estudantes do campus e outras 10 para comunidades carentes da zona rural. O comitê da campanha verificou junto a Assistência Social do Campus o Índice de Vulnerabilidade Social dos estudantes cujas famílias precisavam da doação. As entregas foram realizadas pelo diretor de Administração e Finanças do Campus, Everton Pereira de Pontes e a professora Samara Andrade.Picuí 2.jpg

Everton destaca que não só famílias carentes de Picuí foram beneficiadas com a ação mas, também comunidades rurais de outros municípios como Carnaúba dos Dantas, Barra de Santa Rosa, Sossego e Baraúna. “São famílias que estavam em situação bastante difícil e não tinham recebido o auxílio emergencial do governo federal. Para isso procuramos a ajuda da Secretaria de Assistência Social do município. Entregamos as cestas aos representantes dessas comunidades”, frisou o servidor. 

A assessora substituta do Campus Areia, Sibéria Souto Farias, informa que foram entregues 20 cestas para a Comunidade Evangélica Batista da cidade, que se encarregou de distribuir com famílias em vulnerabilidade social. Outras 10 cestas foram entregues a famílias carentes de alunos do Campus do IFPB. O Campus de Areia foi um dos primeiros a pensar em uma ação solidária para a comunidade, mesmo antes da campanha. 

Em Esperança, a entrega foi feita pelo Diretor de Desenvolvimento do Ensino do Campus, Bruno Allison Araújo, para a Associação de Ciclistas da cidade, presidida pelo professor Alexandre de Almeida, professor e pai de aluno da instituição. “A Associação de Ciclistas recebeu as 40 cestas e vai repassar para os Agentes Comunitários de Saúde que já têm uma listagem das famílias que estão em vulnerabilidade social, inclusive muitas delas moram nas proximidades do campus”, informou o professor Bruno.Entrega Esperança.jpg

Ele destacou ainda a importância de mais servidores se engajarem na campanha IFPB Solidário. “É uma ação solidária digna de louvor e espero que tenha uma atenção especial com a comunidade de servidores, que tenha adesão maior porque é algo que está transformando realidades porque têm famílias em extrema pobreza e isso leva um alívio de uma semana pelo menos”, comentou o gestor do IFPB em Esperança. 

registrado em: